Projeto “Cidade das Águas” será mostrado na África do Sul pelo secretário Narcio Rodrigues

A convite do Conselho Mundial de Águas, o Governo Antonio Anastasia, por meio da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes) participa, na África do Sul, nesta sexta-feira, dia 18, e sábado, 19, de reunião preparatória para o 6º Fórum Mundial de Águas, previsto para março de 2012, na França. O secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Narcio Rodrigues, vai apresentar o projeto Cidade das Águas e a Fundação Unesco-Hidroex.

O projeto mineiro, que tem a parceria do governo federal e a chancela da Unesco, será detalhado na Cidade do Cabo para os organizadores do Fórum Mundial das Águas, que são integrantes da própria Unesco e do Conselho Mundial de Águas. Também haverá exposição de Narcio Rodrigues para aproximadamente 60 ministros de ciência, tecnologia e recursos hídricos de países tropicais.

Compromisso

“Cidade das Águas” e a Fundação Hidroex têm a chancela da Unesco e estão sendo implantados em Frutal, Triângulo Mineiro. Além de recursos do Governo de Minas e da União, o projeto integra as universidades federais de Minas Gerais (UFMG), do Triângulo Mineiro (UFTM), Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG), Instituto Federal do Triângulo Mineiro (IFTM), Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Agência Nacional de Águas (ANA), Fundação Jacques Cousteau e a Green Cross International. Hidroex e Cidade das Águas têm a capacitação de profissionais como seu principal foco para mudar a realidade dos recursos hídricos.

De acordo com o secretário Narcio Rodrigues, a sua presença na África do Sul será mais uma oportunidade de o Estado mostrar ao mundo o seu compromisso de trabalhar efetivamente pela boa gestão das águas em Minas, no Brasil, na América Latina e nos países que integram a Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP). “Estamos sendo protagonistas nesse momento em que se discutem intensamente as mudanças climáticas. Educação para as águas é essencialmente educação ambiental”, concluiu o secretário ao alertar para a necessidade urgente de ações práticas em torno da preservação ambiental.

Fonte: Agência Minas

Tags: , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: