Archive for novembro \30\UTC 2010

Governador Anastasia, Iveco e Fiat anunciam condomínio de fornecedores

novembro 30, 2010

Foto Wellington Pedro / Imprensa MG

O governador Antonio Anastasia, o presidente da Iveco Latin America, Marco Mazzu, e o presidente da Fiat Automóveis e do Grupo Fiat na América Latina, Cledorvino Belini, anunciaram nesta terça-feira, dia 30, durante encontro no Palácio Tiradentes, na Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves, a criação de um condomínio de fornecedores ao lado do complexo industrial Iveco em Sete Lagoas, na região Central do Estado. A previsão é que o condomínio entre em operação no final de 2011. Quando estiver em plena capacidade, serão criados 600 empregos diretos.

O condomínio terá, numa primeira fase, 14 empresas de autopeças para montar subconjuntos e entregá-los no sistema jus in time às linhas de produção da montadora de caminhões. O condomínio de fornecedores será instalado no terreno de 2,3 milhões de metros quadrados da fábrica da Iveco, na rodovia MG-238, que liga Sete Lagoas à Jaboticatubas. Os investimentos dos fornecedores deverão somar R$ 60 milhões.

“Essa ação da Iveco é muito positiva, significa emprego de mais qualidade em Minas Gerais, especialmente em Sete Lagoas, e ao mesmo tempo, a geração de tributos no nosso Estado. As nossas parcerias são fundamentais para o avanço do nosso Estado e naturalmente o grande esforço para que Minas Gerais cada vez mais se consolide como o Estado que tem o crescimento bem acima da média nacional”, disse o governador, em seu pronunciamento.

O condomínio de fornecedores é resultado de um acordo realizado entre a Iveco Latin America e o Governo de Minas, por meio da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), que será responsável pelas obras de terraplenagem, pavimentação, saneamento básico, drenagem das águas pluviais, redes de energia elétrica e de iluminação pública, vias de acesso.

Leia matéria completa Anastasia, Iveco e Fiat anunciam condomínio de fornecedores

Ouça entrevista do governador Antonio Anastasia
http://www.agenciaminas.mg.gov.br/audios/download/mjaxmdexmzaxode1mtnfmzaxmtewx2vudhjldmlzdgffyw5hc3rhc2lhx2l2zwnvlm1wmw

PEC da Ficha Limpa Estadual é aprovada em Comissão Especial da ALMG

novembro 30, 2010

A Comissão Especial da Assembleia Legislativa criada para avaliar a Proposta de Emenda à Constituição 63 (PEC 63), já conhecida como a PEC da Ficha Limpa Estadual, deu parecer favorável à matéria na tarde desta terça-feira, dia 30. O parecer final do relator da proposta, deputado Lafayette Andrada, foi aprovado por unanimidade entre os membros da Comissão – deputados Gustavo Valadares, Délio Malheiro e Dilzon Melo.

Lafayette apresentou o substitutivo nº 1 que sintetiza o texto da matéria e faz adequações constitucionais à proposta inicial. Dessa forma, o Ficha Limpa Estadual, caso aprovado em Plenário, vai barrar do comando de secretarias, fundações e empresas públicas, autarquias e de cargos diretamente subordinados ao governador – como o de Defensor Público-Geral, Advogado-Geral do Estado e dos comandos da Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros – pessoas que tenham sido enquadradas em casos de inelegibilidade.

O parecer mantém o impedimento dos “fichas-suja” nas listas tríplices enviadas ao Executivo para a escolha de nomes para cargos de nomeação do governador, como Procurador-Geral de Justiça, Conselheiro do Tribunal de Contas (nas vagas do governo) e os desembargadores promovidos pelo quinto constitucional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e do Ministério Público.

A matéria já está pronta para ser votada em Plenário e está na pauta da reunião desta quarta-feira, dia 1º de dezembro. De acordo com o relator Lafayette Andrada, ela precisa ser aprovada em dois turnos e com quórum qualificado, o que representa 46 parlamentares, mas deve ser finalizada com tranquilidade até o final do ano, para que suas regras passem a valer já para a montagem da nova equipe do 1º escalão do governador Antonio Anastasia.

Fonte: Assessoria de Comunicação do deputado Lafayette Andrada

Inaugurado mais um espaço do Circuito Cultural Praça da Liberdade

novembro 30, 2010

Memorial Minas Gerais-Vale, ocupa o antigo prédio da Secretaria da Fazenda e conta a história do estado, suas memórias e costumes. Fotos Omar Freire

O governador Antonio Anastasia entregou à população, nesta terça-feira, dia 30, o Memorial Minas Gerais-Vale, mais um espaço cultural que integra o Circuito Cultural Praça da Liberdade, em Belo Horizonte. Implantado numa parceria do Governo de Minas com a mineradora Vale, o Memorial Minas Gerais-Vale recebeu R$ 27 milhões em investimentos e ocupa o antigo prédio da Secretaria da Fazenda, na esquina da Praça da Liberdade com a rua Gonçalves Dias.

O Memorial conta a história de Minas Gerais, suas memórias e costumes. Em um mesmo espaço está reunida toda a riqueza cultural do Estado, desde o século XVIII até o cenário contemporâneo, incluindo uma perspectiva futurista.
Até o dia 28 de janeiro, as visitas monitoradas ao Memorial Minas Gerais-Vale devem ser agendadas por telefone (31-3343-7317). Após esta data, a visitação estará aberta ao público em geral.

Para o governador Antonio Anastasia, o Memorial é um espelho da diversidade mineira, da cultura e das suas tradições em harmonia com a tecnologia. Ele destacou que a qualidade do acervo apresentado no Memorial e desenvolvido pelo designer Gringo Cardia transforma o espaço em uma atração cultural de nível internacional.
“É algo internacional que Belo Horizonte, Minas está recebendo. Todos nós mineiros vamos ficar orgulhosos desse Memorial que retrata a nossa história, as nossas tradições. Temos aqui um espelho muito belo da diversidade mineira. Temos cultura, artesanato, história, arte, tudo colocado de maneira muito harmônica. O Memorial, de fato, é um belo reflexo da alma mineira”, disse o governador, após visitar o prédio, ao lado do presidente da Vale, Roger Agnelli.

Circuito Cultural
Além do Memorial Minas Gerais – Vale, fazem parte do Circuito Cultural Praça da Liberdade e já estão abertos ao público o Espaço TIM UFMG do Conhecimento, o Museu das Minas e do Metal – EBX, a Biblioteca Pública Luiz de Bessa, o Arquivo Público Mineiro, o Museu Mineiro e o Palácio da Liberdade.

Já estão também em obras o Centro Cultural Banco do Brasil, que ocupará o antigo prédio da Secretaria de Defesa Social; o Centro de Arte Popular – Cemig, no prédio do já extinto Hospital São Tarcísio; e o Museu do Homem Brasileiro, no prédio da Secretaria de Viação e Obras, numa parceria com a Fundação Roberto Marinho.

Ainda estão previstos para integrar o Circuito Cultural Praça da Liberdade o Museu do Automóvel, a ser instalado em área do complexo do Palácio da Liberdade, e o Museu Clube da Esquina, que ocupará o prédio onde está o Serviço Voluntário de Assistência Social (Servas). Também será aberto um hotel padrão cinco estrelas no antigo prédio do Ipsemg, em fase de licitação.

O ex-governador e senador eleito Aécio Neves, que também participou da inauguração do Memorial Minas Gerais – Vale, lembrou que o Circuito Cultural da Praça da Liberdade só se tornou realidade com a parceria entre o Governo de Minas e a iniciativa privada. Os prédios antigos e com estrutura precária foram restaurados para se tornarem espaços culturais.

“No início do nosso governo, esses prédios estavam todos deteriorados, sem condições de funcionamento, inclusive das atividades públicas de governo. Houve um esforço enorme do governo na busca de parcerias, constituímos parcerias em todo Circuito da Praça da Liberdade e essa que já foi a praça do poder passa a ser a praça do povo. Estamos constituindo no coração de Belo Horizonte o mais completo circuito cultural do país”, disse Aécio Neves.

Interatividade
O presidente da Vale, Roger Agneli, ressaltou a importância para a empresa de participar de um projeto tão importante para a história de Minas e do Brasil. Para ele, o mais importante será a participação ativa das crianças no espaço, que permite a interatividade entre os visitantes e as alas, montadas com tecnologia avançada para permitir uma proximidade maior dos mineiros com a sua história.

“Ficou lindo por mostrarmos um pouco da história de Minas, da civilização. A história do Brasil passa por Minas e a Vale está feliz por viabilizar esse projeto. A gente fica imaginando as crianças visitando cada uma dessas salas e ter um pouco de tecnologia, bem avançada. As crianças vão ficar encantadas de ver tudo e manter uma interação muito grande“, disse o presidente da Vale.

Com o uso de tecnologia de interatividade, o memorial foi dividido em três eixos temáticos: Minas Visionária, Minas Imemorial e Minas Polifônica, ponto de partida para a distribuição das salas. O Memorial conta com uma cafeteria e auditório para 100 pessoas, midiateca e espaços para projetos educativos. A expectativa é a de que 30 mil pessoas visitem anualmente o Memorial.

Homenagens
Durante a visita ao Memorial Minas Gerais-Vale, o governador Antonio Anastasia pode ver de perto um pouco da história da vida dos mineiros, a história de Belo Horizonte, da família mineira, da política, do desenvolvimento do povo mineiro e da sua arte consagrada mundialmente com o barroco. Grandes nomes da literatura mineira como Carlos Drummond de Andrade e Guimarães Rosa são reverenciados com uma sala criada especialmente para eles.

A filha de Guimarães Rosa, Vilma Guimarães Rosa, participou da inauguração da sala e foi homenageada com uma tela representando o memorial de autoria do designer Gringo Cardia. Também receberam o presente o governador Antonio Anastasia, Aécio Neves, o secretário de Estado da Cultura, Washington Mello, o ex-governador Francelino Pereira, o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda, e pessoas que participaram da viabilização do Memorial.

O governador Antonio Anastasia, entre o presidente da Vale, Roger Agnelli, e o senador eleito Aécio Neves

Ouça entrevista do senador eleito Aécio Neves

http://www.psdb-mg.org.br/midias/download/id/2951

Abaixo, leia transcrição da entrevista

(more…)

Cai valor do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores 2011 em Minas

novembro 30, 2010

O valor do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) estará, em média, 7% menor que o valor pago em 2010 pela maioria dos contribuintes mineiros. O anúncio foi feito nesta terça-feira, dia 30, pelo secretário-adjunto da Secretaria de Estado de Fazenda (SEF) e subsecretário da Receita Estadual, Pedro Meneguetti, durante entrevista coletiva em Belo Horizonte. “A partir desta quarta-feira (1º), os contribuintes já poderão se dirigir a uma agência de um dos bancos credenciados e pagar o imposto, bem como a Taxa de Licenciamento”, explicou.

Essa redução é reflexo do acompanhamento atento da realidade do mercado automotivo em Minas Gerais pela Secretaria de Estado de Fazenda (SEF), ao elaborar a tabela do IPVA relativo a 2011. Para o próximo ano, a frota tributável é de 6,3 milhões de veículos.

A tabela com os valores de IPVA de todos os veículos em circulação no Estado será publicada no “Minas Gerais” desta quarta-feira, dia 1º de dezembro, trazendo também a escala de pagamento e os demais procedimentos pertinentes à cobrança e pagamento do imposto.

Assim, quem desejar pagar o imposto já pode procurar uma das agências dos bancos credenciados: Banco do Brasil, Bancoob, Bradesco, HSBC, Itaú e Mercantil do Brasil. O pagamento poderá ser efetuado nos guichês de caixa, terminais de autoatendimento e internet. É necessário que o contribuinte tenha em mãos o número do Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam).

Desconto à vista

O secretário-adjunto recomenda não deixar para a última hora, evitando-se assim a perda do desconto no pagamento à vista, bem como os prazos estabelecidos e eventuais transtornos.

Conforme anunciou, a primeira parcela ou parcela única vence em 17 de janeiro para veículos com placa de final 1. A escala de vencimentos prossegue até dia 28 do mesmo mês, obedecendo sempre o final de placa do veículo. Caso não opte pelo desconto de 3% à vista, o contribuinte poderá parcelar o imposto em até três vezes (janeiro, fevereiro e março). O valor mínimo para pagamento do IPVA em parcelas iguais e consecutivas é de R$ 90.

Para facilitar o atendimento aos contribuintes, a Fazenda disponibiliza no site www.fazenda.mg.gov.br a opção de consulta de valores do imposto por Renavam ou marca/modelo e a emissão da guia do IPVA e da Taxa de Licenciamento, que também já pode ser paga nos bancos credenciados.

Leia matéria completa Cai valor do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores 2011 em Minas

Governador Antonio Anastasia recebe parlamentares do PPS

novembro 30, 2010

Foto Omar Freire / Imprensa MG

O governador Antonio Anastasia recebeu, na manhã desta terça-feira, dia 30, no Palácio das Mangabeiras, parlamentares do PPS. Além do presidente da bancada estadual do partido, Paulo Elisiário Nunes, também compareceram ao encontro, entre deputados atuais e eleitos, Luzia Ferreira, Gláucia Brandão, Neider Moreira, Sebastião Costa, Alexandre Silveira e Geraldo Thadeu.

O presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais e vice-governador eleito, Alberto Pinto Coelho, e o secretário de Estado de Governo, Danilo de Castro, também participaram da reunião.

Fonte: Agência Minas

Agência internacional eleva grau de confiabilidade de Minas para investidores

novembro 29, 2010

O Estado de Minas Gerais e a cidade de Belo Horizonte tiveram sua classificação como emissor elevada pela agência internacional Moody’s Investors Service, o que na prática significa que o Estado e sua capital subiram no ranking de confiabilidade para investimentos do mercado financeiro.

Medidas de controle das finanças públicas, com a redução de evasão fiscal implementadas pelo Governo de Minas nos últimos sete anos, refletiram na tendência de melhora das operações financeiras do Estado, segundo o relatório da Moody’s, divulgado nesta segunda-feira, dia 29.

Minas Gerais teve o seu rating elevado de Ba3 para Ba1 com perspectiva estável, no grau especulativo. Já Belo Horizonte subiu de Ba1 com perspectiva estável para Baa3, grau médio de investimento. A última ação de rating para o Estado de Minas Gerais ocorreu em outubro de 2007, quando a agência elevou o rating de B1 para Ba3. O Ba1, classificação que o Estado acaba de conquistar, é o nível mais alto do grau especulativo e coloca Minas Gerais mais próxima do grau de investimento.

Controle de gastos

Segundo o relatório da Moody’s, Minas Gerais conseguiu minimizar o impacto da desaceleração econômica sobre suas receitas através do controle de gastos em 2009, que resultou em um superávit operacional ainda saudável. “A economia grande e diversificada do Estado está se recuperando fortemente da desaceleração financeira de 2009, o que deve servir de apoio para outras melhorias em seu desempenho financeiro no médio prazo”, diz a nota.

Sobre Belo Horizonte, a agência destaca o favorável desempenho financeiro da cidade, apoiado por uma grande economia baseada em serviços, administração financeira prudente e repasses federais previsíveis e estáveis.

Rating

O rating é a opinião da agência sobre a capacidade e vontade de um emissor de fazer pagamentos pontuais de suas dívidas em títulos públicos. Os ratings são uma previsão ou um indicador do potencial de perda de crédito devido à não realização do pagamento, atraso no pagamento ou pagamento parcial ao investidor. Cada elevação de nota significa que aquele determinado mercado está mais confiável para os investidores. Atualmente, a Moody’s atribui ao Brasil rating soberano Baa3 (grau médio de investimento) com perspectiva positiva. O mais alto grau da Moody’s é Aaa.

Fonte: Agência Minas

Deputados estaduais e federais do DEM têm encontro com governador Anastasia

novembro 29, 2010

Foto Wellington Pedro / Imprensa MG

O governador Antonio Anastasia se reuniu, nesta segunda-feira, dia 29, no Palácio Tiradentes, na Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves, com os atuais parlamentares e deputados eleitos das bancadas estadual e federal do Democratas (DEM). Estiveram presentes, Carlos Melles, Lael Varella, Marcos Montes, Vítor Penido, João Bittar, Jayro Athayde, Ruy Muniz, Gustavo Corrêa, Dr. Viana, Gustavo Valadares e Jayro Lessa.

Também participaram o presidente da Assembleia Legislativa e vice-governador eleito, Alberto Pinto Coelho, e o secretário de Estado de Governo, Danilo de Castro.

Fonte: Agência Minas

Parlamentares do PP também se reúnem com governador Anastasia

novembro 29, 2010

Foto Omar Freire / Imprensa MG

O governador Antonio Anastasia também se reuniu, nesta segunda-feira, dia 29, no Palácio Tiradentes, na Cidade Administrativa, com os atuais parlamentares e deputados eleitos das bancadas estadual e federal do PP. Estiveram presentes, Romel Anízio, Renzo Braz, Luiz Fernando, Dimas Fabiano, Toninho Pinheiro, Gil Pereira, Márcio Reinaldo e Pinduca.

Também participou o presidente da Assembleia e vice-governador eleito, Alberto Pinto Coelho, e o secretário de Estado de Governo, Danilo de Castro.

Fonte: Agência Minas

Governador Anastasia se reúne com bancada do Partido Verde

novembro 29, 2010

Foto Wellington Pedro / Imprensa MG

O governador Antonio Anastasia se reuniu, nesta segunda-feira, dia 29, no Palácio Tiradentes, na Cidade Administrativa, com os atuais parlamentares e deputados eleitos das bancadas estadual e federal do PV.

Estiveram presentes, Agostinho Patrus Filho, Inácio Franco, Rômulo Veneroso, Antônio Roberto, Rosângela Reis, Tiago Ulysses, Dr. Hely, Délio Malheiros e Fabinho Ramalho. Também participou o presidente da Assembleia e vice-governador eleito, Alberto Pinto Coelho, e o secretário de Estado de Governo, Danilo de Castro.

Fonte: Agência Minas

Minas pode ser o primeiro estado a barrar “fichas-sujas” do 1º escalão estadual

novembro 29, 2010

Deputado Lafayette Andrada, relator da comissão especial, acredita na aprovação imediata da matéria e em sua validade já para o novo governo Anastasia. Foto Ricardo Barbosa/ALMG

Minas Gerais pode ser o primeiro estado do país a aplicar o princípio da Lei da Ficha Limpa no primeiro escalão do governo estadual. Nesta terça-feira, dia 30, a Assembleia Legislativa analisa a Proposta de Emenda à Constituição 63 (PEC 63) que pretende barrar do comando de secretarias e empresas públicas pessoas que tenham sido enquadradas em casos de inelegibilidade. Com isso, os novos secretários e demais escolhidos para cargos de chefia de autarquias e empresas públicas da próxima administração do governador Antonio Anastasia – anunciados no próximo mês – já deverão ter que se enquadrar à nova lei. A proposta também impede que os “fichas-sujas” sejam incluídos nas listas tríplices enviadas ao Executivo para a escolha de nomes para cargos de nomeação do governador, como procurador-geral de Justiça, Defensor Geral, Conselheiro do Tribunal de Contas (nas vagas do governo) e os desembargadores promovidos pelo quinto constitucional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e do Ministério Público.

A PEC 63 será avaliada por uma Comissão Especial criada para esta finalidade às 14h15 desta terça-feira e depois segue para o Plenário para votação em dois turnos.

De acordo com o relator da Comissão Especial da Ficha Limpa Estadual, deputado Lafayette Andrada (PSDB), a matéria deverá ser aprovada antes do final do ano com tranquilidade, apesar da necessidade de quórum qualificado, ou seja, 46 deputados em Plenário. “Há muitas matérias importantes que estão na pauta, como a Lei Delegada, e por isso, o Plenário está sempre cheio. Além do mais, há o interesse de votação da PEC ainda neste ano para que a medida já seja válida para a composição do novo governo”, ressalta o parlamentar, explicando que, como se trata de uma emenda constitucional, a mudança tem validade imediata.

Na semana passada, Lafayette se reuniu com Anastasia e o governador se mostrou favorável à aprovação da nova norma. “Minas Gerais sai na frente mais uma vez. Estamos vivendo um processo de depuração política”, salientou Lafayette Andrada.

Fonte: Assessoria de Comunicação do deputado Lafayette Andrada

Confira, abaixo, quem pode ser barrado do 1º escalão estadual

(more…)