Aécio Neves defende debate de ideias na campanha eleitoral

O candidato ao Senado, Aécio Neves, durante reunião com os coordenadores da coligação Somos Minas Gerais. Foto: Victor Schwaner

O ex-governador Aécio Neves, candidato ao Senado Federal, presidentes e representantes dos 13 partidos que apóiam a reeleição do governador Antonio Anastasia se reuniram, nesta sexta-feira, dia 9, na primeira reunião de trabalho da coligação Somos Minas Gerais. Enquanto o governador Antonio Anastasia, em viagem a Washington, assegurou mais US$ 598 milhões para áreas sociais e de infraestrutura, Aécio Neves repassou as principais diretrizes aos coordenadores da campanha majoritária, ressaltando que as lideranças terão papel estratégico na mobilização eleitoral.

“Temos uma aliança tão ampla, que mais de 80% dos candidatos nessa eleição pertencem aos partidos que estão coligados conosco. E é importante que eles estejam envolvidos na nossa campanha majoritária. Ela ocorrerá provavelmente na próxima semana, na quinta-feira, dependendo apenas da liberação por parte do TSE dos recibos que permitirão a confecção de material. Queremos ter uma grande largada, com todos os candidatos da coligação”, disse Aécio Neves. (ouça entrevista)
http://www.psdb-mg.org.br/midias/download/id/465

Durante a reunião, Aécio Neves defendeu debate de idéias durante a campanha sem ataques pessoais. Segundo ele, os candidatos da coligação foram orientados a repassar o conteúdo do programa de governo por todo o Estado.
“Queremos que aqui em Minas haja uma discussão de ideias. Queremos que nosso projeto seja debatido e vamos fugir, certamente, de uma campanha de ataques pessoais, que não honra as tradições de Minas. Estamos largando com ânimo muito grande, com muito respeito pelos nossos adversários, e buscando o debate de alto nível. Temos um projeto para Minas Gerais que o Brasil e o mundo respeitam. Queremos dar continuidade a ele”, afirmou.

Transparência
Serão, ao todo, 1.036 candidatos a deputados federal e estadual na coligação. “Mostramos a estrutura da campanha, que, a partir de segunda-feira, começa a funcionar”, destacou Aécio Neves, acrescentando que a campanha dos candidatos da coligação Somos Minas Gerais será marcada, principalmente, pela seriedade e transparência.
Os presidentes dos partidos vão formar o conselho político da coligação Somos Minas Gerais. “Não podemos perder todas estas conquistas, tudo o que foi feito nestes sete anos e meio. Com a reeleição de Antonio Anastasia, estaremos dando continuidade ao projeto atual e estaremos avançando muito”, avaliou o presidente do PMN, deputado Walter Tosta.

O presidente do Democratas (DEM), Carlos Melles, ressaltou que o partido optará pela continuidade ao projeto de governo iniciado pelo governador Aécio Neves. “Temos que votar pela razão para continuar o que é melhor. Segundo, votar pela gratidão”. Já o presidente do PPS, Paulo Elisiário, destacou que o desempenho tanto na área econômica quanto na social o credencia” para a reeleição.
 
Zona da Mata
Aécio Neves aproveitou a presença dos aliados para destacar a importância do ex-presidente da República Itamar Franco, também candidato ao Senado, na chapa. “Itamar Franco está responsável pela estruturação da nossa campanha na Zona da Mata, que é uma região onde ele tem, mais do que qualquer outro, uma liderança extraordinária. Está montando comitê, arregimentando pessoas, discutindo com lideranças políticas. Nos próximos dias, estará conosco”.
 
Colombini

A reunião contou ainda com a presença de Rogério Colombini, que, no mês passado, entregou a presidência estadual do PRB e se desfiliou do partido, depois que a direção nacional da legenda vetou o apoio da sigla à reeleição do governador Antonio Anastasia.

“Entreguei a presidência do PRB em Minas e me desfiliei, pois não concordo com arrastão político. Além do mais, me alcançaram na minha dignidade e não permiti”, disse Colombini.

Além do conselho político, a coligação contará ainda com outros 25 coordenadores regionais, que ficarão responsáveis pela distribuição de materiais de campanha e de outras tarefas, como ajudar na divulgação do plano de governo da chapa majoritária.

Durante a reunião, o sociólogo Cláudio Beato, coordenador do programa de governo, destacou que os indicadores sociais e econômicos de Minas Gerais melhoraram muito nos últimos anos. “Hoje, Minas está num quadro completamente diferente do que estava antes”.

Anúncios

Tags: , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: