Archive for julho \31\UTC 2010

Anastasia reafirma compromisso em desenvolver a Zona da Mata e gerar mais empregos

julho 31, 2010

Antonio Anastasia afirma que região viverá novo ciclo econômico com a atração de novas empresas. Foto Victor Schwaner/Nitro

O governador Antonio Anastasia, candidato à reeleição, reafirmou o compromisso em promover o desenvolvimento da Zona da Mata para gerar mais empresas para a região, gerando mais empregos e renda à população. Durante visita a Santos Dumont, neste sábado, dia 31, onde participou de ato político ao lado de Aécio Neves e Itamar Franco, candidatos ao Senado, Antonio Anastasia afirmou que a Zona da Mata viverá novo ciclo econômico a partir dos investimentos do Governo do Estado na infraestrutura dos municípios e da atração de novas empresas.

“Temos que criar mais empregos e oportunidades. Com a vinda da Ferrous (mineradora) para Juiz de Fora, teremos um novo ciclo industrial, com muitas indústrias novas que vão fornecer apoio. Então queremos empregos de qualidade e, é claro, estaremos investindo em infraestrutura, na educação, na saúde e segurança para dar mais qualidade de vida ao cidadão mineiro, na Zona da Mata e em Santos Dumont”, afirmou o governador em entrevista.

Diante de várias lideranças municipais, Antonio Anastasia garantiu que seu governo priorizará a região com estratégias planejadas que valorizem as vocações de cada município. O governador ressaltou que a região apresenta grande potencial para o turismo que poderá avançar ainda mais com a proximidade da Copa do Mundo de 2014 que vai gerar ainda mais empregos no Estado.

“O turismo é fundamental e agora com a questão da Copa do Mundo, em 2014, Minas Gerais estará em evidência. Temos já a nosso favor as nossas estâncias, as cidades históricas e o ecoturismo. A Zona da Mata tem belos parques que devem receber mais investimentos e publicidade para de fato atrair pessoas de vários estados e do exterior para conhecer as belezas, a gastronomia e a hospitalidade da gente de Minas” afirmou.

Antonio Anastasia ressaltou que Minas tem se destacado na geração de empregos, entre todos os estados brasileiros. Dados do Cadastro Geral de Emprego e Desemprego, do Ministério do Trabalho e Emprego mostram que no primeiro semestre de 2010, Minas obteve o segundo melhor resultado na criação de novas vagas no país, com crescimento de 6,64%, em relação ao mesmo período de 2009. Esse acréscimo representou 232.572 novos postos com carteira assinada. No interior do estado a alta foi de 8,07% no primeiro semestre de 2010, com mais 172.376 postos.

Antonio Anastasia, Aécio Neves e Itamar Franco iniciam juntos caminhada pela Zona da Mata

julho 31, 2010

Os candidatos da Coligação Somos Minas Gerais caminharam pelo Calçadão de Santos Dumont. FotoVictor Schwaner/Nitro

O governador Antonio Anastasia e os candidatos ao Senado, Aécio Neves e Itamar Franco, foram recebidos com entusiasmo neste sábado na Zona da Mata. Centenas de pessoas encontraram os candidatos em grande festa, que começou com carreata do campo de futebol até o Centro do município se Santos Dumont, onde caminharam pelo Calçadão e receberam declarações de apoio e abraços de eleitores. Em seguida, participaram de ato político com a participação de cerca de 1.500 pessoas. 

“É meu dever, é meu compromisso e é minha obrigação trabalhar por Minas Gerais – como seu governador – e ter a honra de suceder este gigante, que foi Aécio Neves, que, por sua vez, sucedeu a outro gigante, o ex-presidente Itamar Franco. Em nossa caminhada de homens públicos, sérios, honrados e com as mãos limpas é que estamos aqui, em Santos Dumont, pedindo e solicitando apoio”, afirmou o governador Antonio Anastasia em seu discurso.

O candidato à reeleição destacou a importância da união de forças políticas que vem ocorrendo em apoio ao projeto que reúne no mesmo time, Aécio Neves, Itamar Franco e lideranças de todas as regiões mineiras.

“Faço a todos um grande grito pela vitória deste time de gente correta, de gente trabalhadora, de gente que se preocupa com gente. Vamos à vitória”, discursou Antonio Anastasia em palanque organizado na rua Antônio Ladeira, no Centro de Santos Dumont. As palavras do governador emocionaram a multidão. Por mais de uma vez, ele foi interrompido por calorosos aplausos.

Voto consciente
Aécio Neves também foi recebido com muito entusiasmo pelos comerciantes e pelas pessoas que acompanharam a caminhada pelo Calçadão. Em seu discurso, o ex-governador agradeceu o entusiasmo e o carinho que ele, Itamar e Anastasia têm recebido dos mineiros. Ele destacou que todo governo deve ser conduzido por alianças construídas com a sociedade em favor dos interesses da população.

Aécio voltou a ressaltar a importância dos eleitores conhecerem a fundo o passado e o trabalho de cada um dos candidatos, e de seus aliados, antes de definir o voto.  “Ninguém engana mais ninguém na vida pública. As pessoas são o que são de forma absolutamente clara e transparente”, afirmou.

O ex-governador fez o reconhecimento público ao trabalho de seu antecessor, o ex-presidente Itamar Franco, candidato ao Senado, e a Antonio Anastasia, que durante sete anos, comandou ao seu lado o Governo do Estado.

“Não teria havido o governo Aécio/Anastasia se não tivesse havido o Governo Itamar Franco, com integridade, com sua gratidão moral e com seu amor sem limites com Minas Gerais. Anastasia é candidato ao Governo de Minas e a suceder-me porque é ele quem tem as melhores condições de fazer com que Minas cresça e avance ainda muito mais”, disse Aécio.

Anastasia anuncia transformação do Santuário da Serra da Piedade em monumento turístico

julho 31, 2010

O governador Anastasia participou da cerimônia de comemoração do Jubileu de Ouro da consagração de N.S. da Piedade como padroeira de Minas

O governador Antonio Anastasia anunciou neste sábado, dia 31, em Caeté, que transformará o Santuário Estadual Nossa Senhora da Piedade na principal atração do turismo religioso de Minas. Durante cerimônia oficial de comemoração do Jubileu de Ouro da consagração de Nossa Senhora da Piedade como padroeira de Minas Gerais, Antonio Anastasia afirmou que enviará projeto de lei à Assembleia Legislativa para transformar o santuário em monumento turístico de Minas. O Governo do Estado também prepara projeto de criação do roteiro religioso “De Padroeira a Padroeira”, ligando o santuário de Nossa Senhora da Piedade, em Caeté, ao Santuário de Nossa Senhora Aparecida, em São Paulo.

“Estamos enviando esse projeto para a Assembleia Legislativa transformando o Santuário da Serra da Piedade em monumento turístico do Estado. Acredito que temos aqui vários valores, o espiritual, o local de peregrinação, o valor ambiental. São valores importantes que cabem ao poder público proteger. A Serra da Piedade já é uma área de preservação, que atrai os turistas para Caeté e para Belo Horizonte. Temos um local de peregrinação que deve ser mais difundido entre os milhões de fieis que temos em Minas e no país”, afirmou o governador em entrevista na Serra da Piedade.

O governador Antonio Anastasia ressaltou que o Governo de Minas, por meio de parceria da Secretaria de Turismo, com a prefeitura de Caeté e a direção do Santuário, intensificará as ações iniciadas no ano passado, para melhorar o acesso à Serra da Piedade, garantir boa infraestrutura para receber os visitantes e minimizar os impactos causados pelo incremento ao turismo. Somente no período do Jubileu, que acontece em agosto e setembro, o santuário recebe aproximadamente 12 mil visitantes. 

“Com a parceria entre a Secretaria de Estado do Turismo, juntamente com a prefeitura de Caeté e, naturalmente, a direção do Santuário, vamos melhorar a estrada e o acesso à entrada do Santuário, além de investimentos em todo o complexo para garantir mais conforto e segurança para os peregrinos e turistas”, disse o governador.

Durante a visita ao Santuário Estadual Nossa Senhora da Piedade, o governador Antonio Anastasia, que é candidato à reeleição, ao lado do candidato a vice, Alberto Pinto Coelho, foi saudado pelos fiéis que acompanharam as celebrações do cinquentenário de Consagração de Nossa Senhora da Piedade. Antes da cerimônia de comemoração do Jubileu de Ouro, o governador Antonio Anastasia ouviu uma oração de Dom Walmor Oliveira de Azevedo, Arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte, em favor dos pobres e pela justiça social. Também participaram da comemoração, os cardeais Dom Odílio Pedro Scherer, que representou o Vaticano e Dom Geraldo Magela Agnelo, cardeal de Salvador, Primaz do Brasil e ex-presidente da CNBB.
 
Turismo religioso
 
Presente na cerimônia em Caeté, a secretária de Estado de Turismo, Érica Drumond, afirmou que o novo roteiro religioso atrairá mais turistas para Minas Gerais, gerando emprego e renda nos municípios.

“É um caminho muito religioso e bacana. Temos de melhorar a infraestrutura para as pessoas que fazem as caminhas à procura da fé. Vamos melhorar os banheiros, a sinalização e segurança. Existem muitas fazendas centenárias e comunidades carentes de investimentos ao longo do caminho”, afirmou a secretária.

O Santuário de Nossa Senhora da Piedade será o ponto de chegada do roteiro religioso de 600 km, que partirá do Santuário de Nossa Senhora Aparecida, em São Paulo, com destino a Caeté, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O trecho de peregrinação passa por 32 cidades e mais de 200 catedrais. O roteiro de peregrinação religiosa faz parte das ações do Governo do Estado para incrementar o projeto da Estrada Real, o maior roteiro histórico do país.
 
Ações integradas
A secretária destacou que o Governo de Minas já investiu R$ 1,8 milhão para melhorar a infraestrutura de acesso à Serra da Piedade. Desde o ano passado, o santuário passa por uma série de reformas estruturais que tem como objetivo adequar os equipamentos de hospedagem, alimentação e de lazer e por conseqüência elevar a qualidade da visita.

No final do ano passado a secretaria de Estado de Turismo e a prefeitura de Caeté, assinaram convênio para eletrificação de trechos na Serra da Piedade e captação de água. No local será instalado ainda o Centro de Acolhida ao visitante. As secretarias de Estado de Turismo e de Meio Ambiente, o Instituto Estadual de Florestas e o Santuário Estadual de Nossa Senhora da Piedade estão elaborando um programa de educação ambiental para os visitantes, e nova sinalização dos atrativos turísticos. O DER contratou empresa para a elaboração do projeto que prevê a readequação de trevos na MG-435 que liga Caeté à BR-381. 

O santuário foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) como Conjunto Arquitetônico e Paisagístico e pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (IEPHA). Na Serra da Piedade ainda está instalado o Observatório Frei Rosário, gerido pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) que recebe estudantes, pesquisadores e visitantes de todo o país.

Campanha de Antonio Anastasia, Aécio Neves e Itamar Franco ganham as ruas de BH

julho 31, 2010

Todos os sábados, a coligação Somos Minas Gerais realizará blitze na Praça do Papa e em outros pontos da capital. Foto Rodrigo Lima

A campanha da coligação “Somos Minas Gerais” ganhou mais visibilidade hoje na capital com a distribuição de adesivos para os vidros traseiros dos carros. Quem passou na manhã deste sábado, dia 31, pela Praça do Papa, em Belo Horizonte, afixou no veículo mais esta novidade da campanha, que a cada dia empolga mais os mineiros.

Os adesivos trazem as fotos e os números de Antonio Anastasia, candidato à reeleição, e Aécio Neves e Itamar Franco, candidatos ao Senado Federal. Todos os sábados, a coligação “Somos Minas Gerais” realizará blitze na Praça do Papa e em outros pontos da capital para distribuir o material. Os adesivos são perfurados para não atrapalhar a visão dos motoristas ao fazer as manobras.

Além dos adesivos, a blits da coligação distribuiu kit com bottons, folhetos e adesivos menores. A campanha oferece, ainda, adesivos exclusivos para torcedores de futebol. Atleticanos e cruzeirenses levam adesivo com o escudo do time e a frase “Somos Anastasia, Aécio e Itamar”.

Voluntários nas ruas
A mobilização atraiu dezenas de voluntários que confirmaram o apoio à candidatura de Antonio Anastasia, Aécio Neves e Itamar Franco. O advogado Carlos Cerqueira chegou cedo para participar do movimento e ajudar na divulgação da campanha dos candidatos da coligação.

Aécio Neves e Antonio Anastasia consertaram Minas Gerais ao arrumar as contas e organizar a parte financeira. Com o Choque de Gestão, colocaram o Estado no cenário nacional de forma respeitada”, disse ele.

O funcionário público Marcelo Araceli afirmou que a continuidade do trabalho desenvolvido por Antonio Anastasia à frente do Governo de Minas é fundamental para trazer novas melhorarias aos mineiros. “Eu acredito na continuação. Uma mudança agora só iria atrapalhar. Aécio e Anastasia valorizaram a juventude. Além disso, quem gosta de viajar pelo interior de Minas percebeu quantas melhorias eles fizeram nas estradas com o Proacesso”, disse.

A consultora de marketing, Ariadne Brandão, também colou o adesivo no vidro traseiro do carro. Ela destacou o trabalho realizado pelo Governo de Minas nos últimos oito anos. “Eu sempre apoiei o Aécio. E o Anastasia foi um grande diferencial do governo dele. Também acho que o Alberto Pinto Coelho, como vice de Anastasia, vai ser um grande apoio. Minas teve um grande avanço e não pode parar”, completou.

Cai em 8 pontos a diferença de Hélio Costa para Antonio Anastasia: começou a virada em Minas

julho 31, 2010

Pesquisa Ibope divulgada nesta sexta-feira, dia 30, mostra que a diferença de Hélio Costa para Antonio Anastasia caiu oito pontos nesta semana. É o começo da virada nas eleições de Minas.

Na pesquisa, Hélio Costa aparece com 39% (cinco pontos a menos do que a pesquisa Datafolha divulgada nesta semana), enquanto Antonio Anastasia tem 21%, ou seja, três pontos acima do resultado do Datafolha. A diferença era de 26 pontos percentuais e, agora, está em 18 pontos. Ou seja, houve queda de oito pontos percentuais na distância entre os candidatos.

A pesquisa, encomendada pela TV Globo e jornal “O Estado de S.Paulo” foi realizada entre os dias 26 e 29 de julho, com 1.806 eleitores entrevistados em Minas Gerais. O levantamento foi registrado no TRE/MG sob protocolo nº 54379/2010 e no TSE sob o nº 20792/2010.

Leia mais no Portal G1

Antonio Anastasia quer trabalhar ao lado de Serra e Aécio pelo futuro de MG e do Brasil

julho 31, 2010

Em Betim, os candidatos fizeram caminhada na avenida Amazonas, onde fizeram parada para tomar café e comer pastel

O governador Antonio Anastasia afirmou que, reeleito, continuará administrando o Estado de forma democrática e solidária, sempre ouvindo lideranças de todas as regiões. Em ato político realizado por lideranças políticas em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, ao lado do ex-governador Aécio Neves, candidato ao Senado Federal, e de José Serra, candidato à Presidência, o governador afirmou que ninguém governa sozinho e que, por isso, na vida política, é necessário formar um bom time, com identidade entre os aliados para haver compromissos reais com sociedade.

“Gostaria de reiterar que na eleição de 3 de outubro há um grupo. Ninguém governa sozinho, com soberba, com arrogância. Temos que governar ouvindo as pessoas, a comunidade, os líderes. Todos devem governar num governo verdadeiramente democrático. É um time que temos aqui. O José Serra é palmeirense. O ex-governador Aécio  Neves, cruzeirense. Eu atleticano. Mas, agora, no jogo da política, estamos todos juntos para a vitória do Brasil e da bandeira de Minas Gerais”, afirmou Antonio Anastasia em seu discurso.
 
Voto de confiança
O ex-governador Aécio Neves também ressaltou que a coligação “Somos Minas Gerais”, formada por 12 partidos, conta com um time de gestores que trabalha em benefício da população. Ele lembrou que seu avô, o ex-presidente Tancredo Neves, sempre fazia questão de dar um sábio conselho aos eleitores, o de reparar bem quem são os aliados de cada candidato antes de escolher por um deles.

“Tancredo dizia que quando alguém for pedir o seu voto, olhando nos olhos dessa pessoa, desvie o olhar e olhe quem são os seus companheiros. Me orgulho imensamente de olhar para um lado e ver José Serra, olhar para o outro e ver Antonio Anastasia, o melhor gestor público dos últimos tempos”, afirmou Aécio Neves.

Antonio Anastasia, Aécio Neves e José Serra fizeram uma caminhada na Rua Amazonas, no Centro, onde cumprimentaram lojistas e tomaram vitamina na lanchonete Ti-Ti-Ti. Muita gente pediu para tirar uma foto com o governador Antonio Anastasia e seus aliados. Outros fizeram questão de abraçá-los. O dono do estabelecimento, Osvaldo da Silva Pinto, se emocionou ao recebê-los no balcão.

“São excelentes governantes. Votarei em todos. E na reeleição do governador Antonio Anastasia em razão de ele ser um grande administrador”, ressaltou seu Osvaldo enquanto observava, com sorriso no rosto, o assédio dos moradores de sua cidade aos candidatos.

Anastasia, Aécio, Itamar e Serra definem estratégia conjunta de campanha

julho 30, 2010

Foto Victor Schwaner

O encontro do governador Antonio Anastasia, candidato à reeleição, e dos candidatos ao Senado, Aécio Neves e Itamar Franco, com o candidato à Presidência da República pelo PSDB, José Serra, nesta sexta-feira, dia 30, em Belo Horizonte, marcou o início de uma estratégia conjunta das duas campanhas em Minas Gerais. Os candidatos debateram as ações da coligação para os próximos dois meses e definiram as viagens pelo Estado. Segundo Aécio Neves, o primeiro mês da campanha foi marcado por importantes apoios políticos a José Serra e Antonio Anastasia na capital e no interior, e pela receptividade carinhosa dos mineiros.

“Muda a intensificação das nossas viagens, que ocorrerão cada vez mais. Há algumas semanas, sugeri ao presidente José Serra que tivéssemos aqui uma estrutura de sua campanha que pudesse acompanhar em cada município, o que é impossível fazer individualmente, a presença de sua campanha ao lado na nossa coligação. Já estamos chegando praticamente aos 853 municípios do Estado. A nossa base, muito sólida, já começa a se mobilizar. Nossa campanha é uma coisa só. Somos uma coisa só”, disse o Aécio Neves.

Aliança com identidade política
Aécio Neves ressaltou que os candidatos da coligação Somos Minas Gerais estão absolutamente integrados e focados nos projetos para Minas e o Brasil, com alianças construídas naturalmente através de consenso e identidades em comum, sem que houvesse qualquer imposição tanto no plano estadual quanto no nacional. Ele adiantou que, nos próximos dias, em todos os municípios, haverá material de campanha integrada dos candidatos.

“Acho que as pessoas sabem, e cada vez mais percebem, que não dá para você cada hora atirar para um lado. Não dá para um partido fazer um discurso até as vésperas da eleição e depois buscar uma aliança artificial e achar que isso corresponde em votos. Somos um grupo político, estamos juntos há muito tempo e queremos fazer que Minas continue avançando. Acho que dentro de dez dias, em todos os municípios de Minas vai haver, absolutamente colado o nome do presidente Serra, do governador Anastasia, do Itamar e, se sobrar um espaço, minha também”, afirmou.   

Lealdade
O candidato à Presidência da República, José Serra, afirmou que está muito à vontade em Minas, juntamente com Antonio Anastasia, Aécio Neves e Itamar Franco. Ele agradeceu o grande apoio que vem recebendo tanto das lideranças políticas quanto da população dos municípios que já visitou.

“É uma campanha de um só coração, uma só voz e os mesmos braços. Juntos é que vamos chegar à nossa vitória. Hoje é um dia de especial alegria, das minhas muitas vindas a Minas Gerais. Venho sempre feliz”, completou o ex-governador de São Paulo.

O ex-presidente Itamar Franco garantiu que tanto ele quanto o governador Antonio Anastasia e o ex-governador Aécio Neves vão defender o nome de José Serra em todas as regiões de Minas que percorrerem. “Aqui estamos em uma coligação em que há, acima de tudo, a lealdade e a disciplina. E eu posso lhe dizer que a todo o momento que estou junto, tanto com o governador Antonio Anastasia quanto com o governador Aécio, o seu nome nunca é esquecido”, disse o ex-presidente.

Aécio e Itamar defendem melhor distribuição de recursos junto a estados e municípios

julho 30, 2010

Participaram do encontro com os candidatos ao Senado cerca 500 lideranças municipais e apoiadores da Coligação Somos Minas Gerais

Os candidatos ao Senado Federal pela coligação “Somos Minas Gerais”, o ex-presidente Itamar Franco e o ex-governador Aécio Neves, defendem melhor distribuição de recursos a estados e municípios. Os dois participaram, nesta sexta-feira, dia 30, em Belo Horizonte, de encontro com cerca 500 lideranças municipais e apoiadores da campanha da coligação. Diante de dezenas de prefeitos e vereadores, Aécio Neves e Itamar Franco garantiram que, se eleitos, levarão ao Senado Federal o debate sobre a revisão do pacto federativo para garantir melhor distribuição dos impostos federais entre estados e municípios. Atualmente, cerca de 70% dos tributos arrecadados no país estão concentrados em poder da União.

“Falta ao Congresso Nacional uma agenda clara e definida em favor, por exemplo, do equilíbrio dos poderes e daquilo que tenho dito permanentemente – o mais necessário ao país de hoje – o reequilíbrio da Federação. Não podemos continuar vivendo num país onde 70% dos recursos tributários estão concentrados nas mãos da União, permitindo que Estados e municípios vivam, hoje, em situação quase de penúria. Ou enfrentamos a questão da recomposição da Federação e do reequilíbrio dos Estados, municípios e União, ou vamos estar sempre perdendo tempo para construir um desenvolvimento que seja realmente para todos”, afirmou Aécio Neves em seu pronunciamento.
 
Reforma tributária
Aécio Neves ressaltou que a distribuição justa dos tributos arrecadados no país permitirá aos municípios e Estados maiores avanços nas áreas social e de infraestrutura. A revisão do pacto federativo é uma antiga bandeira do ex-presidente Itamar Franco e foi amplamente defendida por Aécio Neves e Antonio Anastasia nos últimos oito anos.

Apesar da morosidade do governo federal em aprovar a reforma tributária, o ex-governador lembrou aos prefeitos e lideranças presentes que Minas conseguiu avançar em todos segmentos nos últimos anos. Segundo ele, a permanência de Antonio Anastasia é fundamental para o Estado continuar avançando em áreas prioritárias de governo como infraestrutura, saúde, educação, saneamento e segurança.

 “Só existe um caminho para garantir a continuidade dos avanços de Minas e esse caminho responde pelo nome de Antonio Anastasia. Os mineiros não querem que Minas retroceda e não queremos ver novamente páginas das quais não temos saudades para ilustrar a política mineira”, afirmou Aécio Neves.
 
Avanços
Ao lado de Itamar Franco, Aécio Neves lembrou os importantes avanços obtidos pelo Governo de Minas em áreas sociais e de infraestrutura, o que garantiu ao seu governo 92% de aprovação entre os mineiros. Segundo o ex-governador, os avanços obtidos pelo Governo de Minas são hoje reconhecidos e acompanhados pelo governo federal e organismos internacionais como ONU e Banco Mundial, entre outros.

“Construímos obras ao longo desses anos, o Proacesso está ligando os municípios mineiros, avançando, a telefonia celular alcança todos os853 municípios. Melhoramos a segurança que regrediu a criminalidade a patamares de 10 anos atrás. Avançamos no atendimento à saúde e somos pelos dados do Ministério da Educação o Estado que tem o melhor ensino fundamental do país e, por isso, não podemos permitir que Minas não dê continuidade ao que já foi feito”, afirmou Aécio Neves.
 
Municípios querem Anastasia
Durante o encontro político, prefeitos de várias regiões do Estado destacaram a importância de Minas andar de mãos dadas com o governador Antonio Anastasia. “Precisamos dessa Minas forte e de pessoas competentes. Não podemos abrir mão de manter no Governo uma pessoa de tamanha competência como Antonio Anastasia”, disse o prefeito de Capelinha, Pedro Vieira (PSDB).

O prefeito de Entre Rios de Minas, Mário Augusto Alves Andrade (PTB), afirmou que a reeleição de Antonio Anastasia é fundamental para que todos os municípios mineiros, sem distinção partidária, se desenvolvam. “Enxergamos em Antonio Anastasia a continuidade do governador Aécio Neves. É um candidato de postura, excelente. Tenho certeza de que essa continuidade vai trazer para os municípios um suporte para se desenvolverem ainda mais”, afirmou.

Anastasia quer levar ao interior capacitação profissional de catadores de materiais recicláveis

julho 30, 2010

Durante o encontro, as entidades entregaram a Antonio Anastasia uma pauta de sugestões para o plano de governo do candidato à reeleição. Foto Rodrigo Lima

O governador Antonio Anastasia afirmou hoje que, reeleito, levará para as cidades do interior de Minas Gerais os programas de capacitação profissional de catadores de materiais recicláveis desenvolvido pelo Governo do Estado. O modelo será o mesmo desenvolvido no Centro Mineiro de Referência em Resíduos, implantado em Belo Horizonte, pioneiro no Brasil como núcleo de projetos voltados para o consumo consciente e a reciclagem de resíduos. O foco principal é a participação de jovens em ações para a melhoria da qualidade ambiental e a geração de trabalho e renda.

O compromisso foi assumido em reunião nesta sexta-feira, dia 30, na capital, com representantes de 48 entidades de trabalhadores que vivem da reciclagem de resíduos e também de grupos de defesa dos moradores de rua de 40 municípios de todas as regiões de Minas. Durante o encontro, Antonio Anastasia também recebeu documento com propostas das entidades.

“O primeiro passo é o processo vigoroso de qualificação profissional. Já temos isso com o Centro Mineiro de Referência em Resíduos, na capital. Temos que estender ao interior essa experiência, que são cursos permanentes de formação que permitem que cada vez mais os catadores tenham renda. Eles podem não ter o emprego formal de carteira assinada, mas têm dignidade, têm trabalho, são produtivos e têm uma colaboração muito efetiva na questão ambiental. O primeiro passo fundamental seria esse, e depois discutir também questões que foram aqui faladas, como segurança pública, educação e saúde”, disse o governador Antonio Anastasia.

Em Minas Gerais existem 101 associações de catadores de materiais recicláveis, em 116 municípios. Essas associações representam 20 mil catadores. No Brasil, estima-se que existam entre 600 mil e 800 mil catadores, sendo que 81 mil deles estão ligados ao Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis.
 
Qualificação profissional
Desde 2008, 339 estudantes do ensino médio da rede pública estadual concluíram o curso de Gestão e Negócios de Resíduos, inédito no Brasil, oferecido pelo Centro Mineiro de Referência em Resíduos. Em agosto, mais 70 pessoas se formam. No ano passado, outro projeto do Governo de Minas, a Usina do Trabalho, também qualificou 280 catadores de 15 municípios.

O Centro Mineiro de Referência em Resíduos entregou 318 equipamentos, para associações e cooperativas de 56 municípios. Os equipamentos foram financiados com recursos do Governo de Minas e somam R$ 633 mil. O Centro apoia, também, prefeituras em projetos de coleta seletiva de lixo.
 
Lei Mineira inovadora
Outra inovação do Governo de Minas foi a Lei 18.031, instituída em 2009. Ela define a política estadual de resíduos sólidos, reunindo normas sobre o assunto em um único texto legal. Entre outros pontos, a lei estabelece para os entes públicos a obrigação de editar normas com objetivo de dar incentivo fiscal, financeiro ou de crédito para programas de gestão integrada de resíduos, em parceria com organizações de catadores de material reciclável. Para os representantes dos catadores, o governador Antonio Anastasia reúne as qualidades para dar seguimento às políticas estaduais criadas para atender este segmento.

“O Aécio Neves sempre deu suporte para a nossa classe. Tanto que Minas foi o primeiro Estado a criar uma lei de resíduos sólidos. E acreditamos que o professor Antonio Anastasia vai dar continuidade às políticas, fazendo até mais”, disse Eduardo Pereira, da Associação dos Catadores de Papel de Bocaiúva (Ascabov).
 
Lixões
Entre 2007 e 2009, o Governo de Minas investiu R$ 15 milhões em ações visando a destinação correta do lixo. A meta é que 60% da população mineira seja atendida com disposição adequada de lixo até 2011. Hoje o percentual é de 46,8% da população.  Apenas em 2009 foram erradicados 93 lixões no Estado. A previsão é de que outros 11 sejam erradicados até o final do ano.

Para a diretora da Coperativa de Reciclagem e Trabalho de Itaúna (Coopert), Madalena Rodrigues, conhecida como Madá, as melhorias aparecem no trabalho e na qualidade de vida. “Quando o povo participa e o governador ouve a gente, tudo fica melhor”, afirmou. 

Durante o encontro em Belo Horizonte, o governador Antonio Anastasia assistiu à apresentação teatral “O Catavento” do grupo “Cara e Coragem”, formado por catadores de materiais recicláveis. Em seguida, Antonio Anastasia ouviu as reivindicações de representantes de vários movimentos, como o Fórum Estadual Lixo e Cidadania, Pastoral Nacional do Povo de Rua e Movimento Nacional dos Catadores.

“Cada vez mais, o governo precisa criar uma visão diferente desta parcela da população, que tem menos acesso às questões formais, como documentos e residência. É uma mudança de cultura. Já há passos favoráveis, mas temos que mudar muito ainda neste sentido”, ressaltou.

Governador Antonio Anastasia recebe diretoria da Faemg

julho 30, 2010

O Governador Antonio Anastasia, candidato à reeleição pela coligação Somos Minas Gerais, recebeu na manhã desta sexta-feira, dia 30, no Palácio das Mangabeiras, o presidente da Federação da Agropecuária e Agricultura de Minas Gerais (Faemg), Roberto Simões. Durante o encontro, que contou com a participação do secretário de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais, Gilman Viana, foi entregue ao governador um documento com reivindicações do setor, uma das atividades econômicas mais desenvolvidas do Estado. Também participaram do encontro os diretores da Faemg, Affonso Damasio e Marcos de Abreu e Silva.