Archive for maio \30\UTC 2009

Minas Gerais trabalha para preservar a Mata Atântica

maio 30, 2009

Assembléia de Minas vai votar projeto de lei para reduzir limites de consumo de produtos florestais no Estado

Minas Gerais tem a maior área remanescente de Mata Atlântica no país. E para garantir a preservação da biodiversidade, deve ser votado nos próximos dias na Assembléia, um projeto de lei que reduz os limites de consumo de produtos florestais pelas indústrias no estado.

Árvores centenárias, grandes lagos e diversas espécies de animais fazem parte do cenário do Parque Estadual do Rio Doce. O parque tem a maior floresta tropical do estado e tem monitoramento por satélite. Os técnicos fazem o mapeamento científico de toda a região num projeto que permite a preservação da biodiversidade.

Um levantamento revela que Minas é o estado que possui a maior área remanescente de Mata Atlântica do país e vem reduzindo o desmatamento nos últimos 15 anos. O estudo mostra que, de 1995 a 2000 , o desmatamento foi de 121 mil e 61 hectares. No período seguinte, a área desmatada caiu para pouco mais de 41 mil hectares. De 2005 e 2008 continuou caindo e hoje o estado tem mais de dois milhões e seiscentos mil hectares de área remanescente da Mata Atlântica. O desmatamento que em 2000 era de 121 mil hectares caiu para 32 mil hectares em 2008, uma redução de 75% .

Veja a reportagem completa no canal do Youtube do Governo de Minas, em: Assembléia vai votar projeto de lei para reduzir limites de consumo de produtos florestais no Estado.

Anúncios

UOL Notícias: Aécio defende prévias, diz que “chapa puro-sangue” é “presunção” e reafirma que não sai do PSDB.

maio 30, 2009

O tucano Aécio Neves, que busca a indicação do seu partido para concorrer à sucessão do presidente Lula, falou ao UOL Notícias, em Belo Horizonte, na última quinta-feira; visite o UOL Notícias: http://noticias.uol.com.br.

 Prévias:

 “Ninguém que queira ser candidato à Presidência da República pode temer a opinião da maioria do partido. Vamos ter juízo. Vamos construir projetos e deixar os projetos pessoais no plano secundário”.

 Chapa “puro-sangue”:

“Nem o governador Serra me convidou para ser o seu vice, tampou eu convidei o governador Serra para ser o meu vice”.

 “A chapa de um só partido, no mínimo, nasce presunçosa, não fará bem ao PSDB, nem ao processo eleitoral”.

Aecio diz que vai ficar no PSDB:

 “Para superar as versões só os fatos: eu não cogito e nem sairei do PSDB”

Veja aqui o vídeo da entrevista do governador Aécio Neves ao Uol Notícias.

Governo Aécio Neves e Google fazem parceria na educação

maio 29, 2009

O governador Aécio Neves e o diretor-geral da Google para a América Latina, Alexandre Hohagen, assinam, nesta segunda-feira, dia 1, protocolo de intenções que vai permitir a utilização gratuita de um conjunto de softwares oferecidos pela Google Inc., via Internet, a todos os 2,5 milhões de alunos e 165 mil professores de todas as escolas da rede pública estadual. É a primeira vez que a empresa norte-americana assina convênio desse tipo com um governo no Brasil. A celebração se dará durante a visita dos executivos do buscador ao Palácio da Liberdade e que conta com a participação do vice-presidente mundial da Google, Vint Cerf, cientista que inventou o protocolo TCP/IP responsável pela comunicação entre computadores.

O acordo pioneiro com a Google Brasil é uma importante ação do Governo Aécio Neves  para promover a inclusão digital dos alunos da rede pública de ensino e de popularização do uso da internet em todo o Estado. Com este convênio, todos os professores e alunos das 3.920 escolas estaduais terão acesso ao Google Apps Education Edition, conjunto de softwares que inclui serviços de e-mail, mensageiro digital instantâneo, agendas digitais compartilhadas, editor de textos e planilhas, além de editor de páginas de Web.

A parceria ainda prevê suporte técnico para usuários, estudantes e professores, pela comunidade de suporte on-line, moderada pela Google. Todas as ferramentas disponibilizadas pela empresa poderão ser utilizadas em conjunto com sistemas desenvolvidos por outras empresas da área de tecnologia.

Aécio luta para Minas sediar partidas da Seleção na Copa

maio 29, 2009
O governador Aécio Neves e o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda

O governador Aécio Neves e o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda

O governador Aécio Neves anunciou, nesta quinta-feira, dia 28, que levará à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) proposta para Minas Gerais ser a sede das partidas da Seleção Brasileira na primeira fase da Copa de 2014. O anúncio foi feito após reunião com o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda, no Palácio das Mangabeiras. Durante o encontro, eles discutiram projetos de modernização de infra-estrutura viária e do Complexo Mineirão/Mineirinho, caso Belo Horizonte seja confirmada como uma das sedes da Copa de 2014. O anúncio das cidades escolhidas será feito neste domingo, dia  31.

“Quero buscar, aí já não é com a Fifa, mas com o presidente Ricardo Teixeira, que é mineiro, para que Belo Horizonte possa ser a sede do Brasil nos jogos da primeira fase. Para que o Brasil possa jogar no Mineirão. Belo Horizonte é uma cidade mais tranqüila do que as outras grandes capitais que, certamente, postularão esse privilégio. Belo Horizonte, pela localização, pelo que vamos fazer do ponto de vista da estrutura do estádio, de logística, até mesmo pela certa tranquilidade que se possa aqui garantir para preservar a Seleção, poderia pleitear tranquilamente sediar os jogos no Brasil na primeira fase. Depois, obviamente, eles têm uma dinâmica própria, vão para alguns outros lugares. Então esse fica sendo o nosso objetivo”, disse Aécio Neves, em entrevista.

Leia mais

Leia a transcrição da entrevista do governador Aécio Neves durante encontro com o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda, no Palácio das Mangabeiras

Monumentos mineiros disputam concurso das 7 maravilhas

maio 28, 2009
A Igreja de São Francisco, em Ouro Preto

A Igreja de São Francisco, em Ouro Preto

Minas Gerais concorre com dois monumentos na votação para definir “7 Maravilhas de Origem Portuguesa no Mundo”. A Igreja de São Francisco de Assis da Penitência, em Ouro Preto, e o Santuário do Bom Jesus de Matozinhos, em Congonhas, estão na lista de 27 bens em 16 países, sendo seis deles do Brasil, que concorrem à disputa. Para votar nos monumentos de Minas e de outros estados brasileiros basta acessar o site http://www.7maravilhas.pt/. A votação vai até 7 de junho.

Cada internauta pode escolher sete monumentos dentre os 27 listados (antes é preciso fazer um breve cadastro, citando e-mail e senha, para então receber via correio eletrônico um link de acesso ao voto). O resultado será divulgado em evento no dia 10 de junho, em Portugal. Não poderão ser eleitos mais do que dois monumentos por país.

O concurso é realizado pela “New 7 Wonders Portugal”, que organizou a declaração oficial das Novas 7 Maravilhas do Mundo e em paralelo a eleição das 7 Maravilhas de Portugal. Dando continuidade a esse conceito, está sendo promovida agora a disputa pelo título de 7 Maravilhas de Origem Portuguesa no Mundo. Os monumentos concorrentes foram definidos de acordo com o valor histórico e patrimonial de origem e influência portuguesa no mundo, sendo que alguns deles têm a chancela da Unesco como patrimônio da humanidade e outros poderão tê-la no futuro.

A secretária de Estado de Turismo de Minas Gerais, Érica Drumond, lembra que os dois monumentos do Estado que disputam o Concurso 7 Maravilhas de Origem Portuguesa no Mundo são de grande valor histórico e cultural e, se eleitos, darão mais visibilidade para o turismo de Minas no exterior. “Este trabalho de Portugal é bastante oportuno, uma vez que a política de promoção e divulgação internacional de Minas tem foco no mercado português, em função do vôo direto da TAP, ligando Lisboa a Belo Horizonte, instalado em 2008”, avalia.

O Brasil é o país que teve maior número de monumentos apontados para participar da votação para escolha das 7 Maravilhas de Origem Portuguesa no Mundo

Leia mais

Ouça a matéria Minas Gerais concorre às “7 Maravilhas de Origem Portuguesa no Mundo”

BID aprova US$ 260 milhões para investimentos em Minas Gerais

maio 28, 2009
Como parte da agenda de trabalho do vice-governador em Washington, o modelo de gestão pública adotado no Estado de Minas Gerais e a aplicação e metas do Choque de Gestão foram apresentados em palestra na sede do Banco Mundial

Como parte da agenda de trabalho de Antonio Anastasia em Washington, o modelo de gestão pública adotado no Estado e a aplicação e metas do Choque de Gestão foram apresentados em palestra na sede do Banco Mundial

O vice-governador Antonio Augusto Anastasia se reuniu com o presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Luís Alberto Moreno, nesta quarta-feira, dia 27, em Washington, nos Estados Unidos. No encontro, Anastasia e Moreno discutiram projetos de interesse de Minas Gerais, com destaque para a aprovação de uma nova operação de financiamento de US$ 260 milhões.

Os recursos serão empregados em obras de infra-estrutura, principalmente na construção de estradas. Visando o processo de efetivação do financiamento, o BID envia uma missão a Minas Gerais já na próxima segunda-feira, dia 1º. Os recursos devem ser liberados no início de 2010.

Durante a reunião, o BID anunciou ao vice-governador Anastasia a doação ao Estado de Minas Gerais de recursos para um estudo de otimização do transporte urbano de Belo Horizonte e cidades da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH).

O BID ainda fará uma doação de cerca de US$ 1 milhão para ser empregado em estudos de apoio ao Centro de Inovação em Bioenergia do Estado de Minas Gerais (Bioerg). O montante vai permitir ao Governo Aécio Neves avançar na pesquisa de energias renováveis.

A pretensão é tornar Minas Gerais uma referência nacional e internacional em bioenergia. A iniciativa do Bioerg é resultado da preocupação do Governo Aécio Neves na produção e utilização de energias limpas, reduzindo cada vez mais o uso de combustíveis fósseis.

Leia mais

Governo Aécio Neves lança ação conjunta de assistência social

maio 27, 2009
Aécio Neves verificou equipamentos que serão repassados às instituições de assitência social

Aécio Neves verificou equipamentos que serão repassados às instituições de assitência social

O governador Aécio Neves lançou, nesta quarta-feira, dia 27,  a “Energia do Bem”, ação conjunta do Governo de Minas , por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) e Serviço Voluntário de Assistência Social (Servas), para beneficiar entidades de assistência social de todo o Estado. As instituições receberão equipamentos como aquecedores solares, geladeiras, chuveiros e lâmpadas econômicas, além de recuperadores de calor. Serão investidos R$ 23,5 milhões, recursos da Cemig para beneficiar, inicialmente, 1.400 instituições de Longa Permanência de Idosos (ILPI), creches, APAEs, abrigos, albergues, casas de passagem, centros de recuperação para dependentes químicos e casa-lares.

“É uma ação vitoriosa porque até o final do ano todas essas entidades terão um pouco mais de conforto para tratar desses mineiros sempre colocados muito à margem do Estado. Estamos atendendo já no primeiro momento, cerca de 1.400 entidades. Água quente, aquecimento solar, uma geladeira em boas condições, economia de energia, enfim, estamos fazendo algo que, espero, possa ser universalizado para todas as entidades sociais de Minas até o final do nosso governo”, afirmou Aécio Neves, em entrevista.

Conforto e economia

Durante a solenidade no Palácio da Liberdade, o governador ressaltou a importância da ação realizada pela Cemig, Servas e Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social  para melhorar o atendimento prestado pelas entidades assistenciais. Segundo ele, os equipamentos mais modernos, eficientes e econômicos, darão mais conforto às pessoas atendidas pelas instituições, contribuindo para a redução do consumo de energia elétrica e preservação do meio ambiente.

“Essa iniciativa visa apoiar nossas entidades sociais, ajudando a construir um ambiente com mais conforto e segurança e a propiciar economia no consumo de energia. O que termina por colaborar, inclusive, com a preservação do meio ambiente. Com esse programa, não estamos apenas instalando aquecedores solares ou substituindo geladeiras, chuveiros e lâmpadas. Estamos, sim, reafirmando a milhares de pessoas, atendidas por essas entidades, que hoje, em Minas, o Estado coloca em primeiro lugar a vida, a dignidade e os direitos dos seres humanos”, afirmou.

O governador assinou protocolo de intenções com a Cemig, Servas, Sedese e entidades de assistência social formalizando o início da ação conjunta. Ao lado do presidente da Cemig, Djalma Moraes, da presidente do Servas, Andrea Neves, e do secretário de Desenvolvimento Social, Agostinho Patrus Filho, o governador conheceu, nos jardins do Palácio da Liberdade, os equipamentos que serão doados às instituições que estavam instalados para demonstração.

Assista ao vídeo “Energia do Bem” é lançado pelo governador Aécio Neves

Ouça a matéria “Energia do Bem” é lançada em Minas para beneficiar entidades assistenciais

Leia a transcrição da entrevista do governador Aécio Neves no lançamento da “Energia do Bem” em Belo Horizonte

 

Senador Eduardo Azeredo recebe prêmio por mérito legislativo

maio 27, 2009

Azeredo

O Senador Eduardo Azeredo (PSDB/MG) recebeu nesta terça-feira, dia 26, o Prêmio Mérito Legislador – 2008 pelo projeto que deu origem à Lei do Air Bag. A homenagem, conferida pelo Instituto de Estudos Legislativos Brasileiro (IDELB), é um reconhecimento à seriedade na condução da atividade parlamentar em prol do País.

O PLS 115/2004 foi escolhido por sua relevância social. A nova norma, sancionada em março pelo Presidente da República sob o número 11.910/09, determina que todos os modelos de carros produzidos no Brasil tenham o air bag duplo dianteiro como item de série. “Essa lei vem em favor da vida. É uma vitória dos consumidores brasileiros”, diz Azeredo.

A Lei do Air Bag é resultado de um persistente trabalho no Congresso Nacional. O projeto foi apresentado por Azeredo ainda em 2004, sendo aprovado pelo Senado em maio de 2007. Na Câmara dos Deputados, a votação final ocorreu em fevereiro deste ano. “Os mais resistentes diziam que a lei não era necessária, mas a resolução do Contran nesse sentido não saía. Outros diziam que a obrigatoriedade do equipamento aumentaria o preço dos carros. Eu sempre argumentei que, com a generalização do uso do air bag, o custo do item agregado seguiria uma tendência de barateamento”, afirma o senador mineiro. A estimativa é que em quatro anos todos os carros produzidos no Brasil tragam o air bag como item de série.

Ação conjunta do Servas, Cemig e Sedese beneficia entidades sociais de todo estado

maio 26, 2009

O governador Aécio Neves anuncia, nesta quarta-feira, dia 27, em Belo Horizonte, ação conjunta do Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedese), Cemig e Servas, para beneficiar entidades de assistência social de todo o Estado.
 
Instituições de Longa Permanência de Idosos (ILPI), creches, APAEs, abrigos, albergues, casas de passagem e casas-Lares receberão equipamentos como aquecedores solares, geladeiras, chuveiros e lâmpadas econômicas e recuperadores de calor. O objetivo é melhorar o atendimento prestado pelas entidades assistenciais e dar mais conforto às pessoas atendidas, contribuindo para a redução do consumo de energia elétrica.
 
 
Evento: Anúncio de ação conjunta Servas/Cemig/Sedese
Local: Palácio da Liberdade
Data: 27-5-09
Horário: 11 horas

Deputado João Leite propõe criação de frente parlamentar em defesa do transporte ferroviário

maio 26, 2009

PLENÁRIO

A Comissão de Cultura da Assembléia Legislativa de Minas Gerais quer saber qual é a situação do patrimônio cultural do Estado associado ao transporte ferroviário. Para isso, vai realizar, nesta quarta-feira, dia 27, uma audiência pública no Plenarinho II. O requerimento da reunião é do deputado João Leite (PSDB/MG), que propõe a criação de uma frente parlamentar em defesa do transporte ferroviário e é autor de projeto que estabelece normas para preservar e promover esse patrimônio. O debate acontecerá a partir das 15 horas.

O deputado lembra que é preciso ampliar a ação preservacionista sobre marcos históricos que contam a trajetória das ferrovias no Estado a partir de meados do século XIX, como as estações e as oficinas, incluindo itens como telégrafos, ferramentas e documentos. Ele avalia que as concessionárias das ferrovias também têm a obrigação de conservar esse patrimônio. “Temos que evitar a dilapidação em ramais apontados por concessionárias como antieconômicos, impedindo o mau uso de instalações que fizeram a história de Minas”, destaca o deputado tucano.

Leia mais